Clique aqui para informações e assistência técnica.
Clique aqui e conheça o líder mundial.








Saiba o que isso significa para você.
índice
Diagnóstico e Tratamento das Alergias

Pág. 01/05

Se você desenvolve sintomas alérgicos, por exemplo: falta de ar, coriza, coceira, lacrimejamento dos olhos, espirros freqüentes ou irritação da pele, deveria procurar um médico para obter o diagnóstico adequado. Isso assegurará a melhor alternativa de tratamento.

Os princípios mais importantes do tratamento das alergias são:

  • Controle ambiental: Evitar o contato com o alérgeno
  • Tratamento dos sintomas: Utilização de medicamentos que aliviam os sintomas.
  • Tratamento com vacinas de alérgenos: Tratamento da causa imunológica da alergia.

Como se diagnostica uma alergia?

Como fazer o controle ambiental?

O que é tratamento sintomático?

Como devo tratar minha alergia?

Perguntas mais freqüentes sobre tratamento com vacinas de alérgenos (FAQ)

 

Como se diagnostica uma alergia?

Se você tem sintomas alérgicos, apenas poderá ter certeza se é uma alergia submetendo-se a uma consulta com o médico e a testes específicos.

O médico investigará seus sintomas, história da alergia, exposição aos alérgenos, história familiar e outros dados para poder verificar sua situação e avaliar o quê pode ser feito para ajudá-lo. Podem ser necessários testes específicos como os testes cutâneos e exame de sangue especial para alergia

- Testes Cutâneos

PRICK TEST

Para determinar se uma alergia é a causa dos sintomas, o médico pode efetuar um teste cutâneo por puntura (Prick Test) ou um teste intradérmico (IDTest). O Prick Test é o mais usual e consiste numa leve perfuração na pele do antebraço, através de uma gota do alérgeno. Esta aplicação pode resultar, após alguns minutos, no desenvolvimento de uma reação parecida com uma picada de pulga ou mosquito, ou seja, o local da aplicação fica vermelho, incha e aparece uma elevação mais clara no centro, chamada de pápula. Se isto ocorrer, significa que você pode ser alérgico ao alérgeno aplicado no local.

Teste de Contato (PATCH TEST)

Consiste na aplicação de pequenas quantidades de substâncias para teste de contato, recomendadas pelo Grupo Brasileiro de Estudo em Dermatite de Contato (GBEDC) da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), e outras complementares que o médico achar necessário.

A aplicação é feita com fitas adesivas contendo as substâncias, que são aderidas às costas do paciente. Essa fita fica aderida à pele por 48 horas e não pode ser molhada nem removida. Ao fim desse período o médico retira as fitas e procede duas leituras, uma no mesmo dia da retirada e outra 48 horas mais tarde, ou seja, 96 horas desde o início do teste. A leitura é a verificação do aparecimento de reações no local do teste como inchaço, vermelhidão e pequenas bolhas, relacionadas às diferentes substâncias.

Exame de sangue especial para alergia (RAST ou ELISA)

O exame de sangue específico para alergia é utilizado para confirmar o teste cutâneo (Prick Test). Este exame dosa a quantidade de anticorpos IgE, envolvidos nas reações alérgicas, que são produzidos pelo Sistema Imunológico contra os alérgenos responsáveis por sua alergia. Isso quer dizer, se a dosagem for elevada é possível que você desenvolva sintomas alérgicos ao entrar em contato com o alérgeno.

Se estes testes não forem suficientes para o diagnóstico, o médico pode ainda efetuar testes de provocação. Nestes testes seus olhos, nariz, ou pulmões serão expostos aos alérgenos.

retornar ao tôpo

índice